top of page

Gestão em saúde: Como ser um profissional de alta performance na saúde?

J. Antônio Cirino, Diretor de Ensino e Desenvolvimento da Agir


Profissionais de alta performance

“Como ser um profissional de alta performance na gestão em saúde?”. Essa é uma pergunta que ouvimos muito no mercado de trabalho e o mesmo acontece no setor saúde. E em alguns casos visualizamos pessoas que estão sedentas por essa resposta, como se fosse uma receita de bolo, algo que possa auxiliá-las a mudar suas vidas com apenas um passo a passo de 20 a 30 minutos. Esperamos que com essa breve leitura seja possível você encontrar formas para você mesmo mudar sua vida rumo aos resultados que você quer.


Não há uma fórmula simplificada. A caminhada para se alcançar uma alta performance perpassa por um processo estruturado de educação e transformação dos nossos hábitos atuais para o perfil pessoal e profissional que almejamos conquistar. Mesmo sabendo da inviabilidade de um protocolo, para mera organização de algumas dicas, fornecemos quatro questões que podem contribuir imensamente com sua jornada no setor saúde.


1.    Autoconhecimento: só alcança uma alta performance quem tem um elevado autoconhecimento, quem se conhece – suas habilidades e limitações. Não há como fugir de buscar em nós mesmos o entendimento de tudo o que já vivemos e como isso nos impactou. E a partir disso, compreender que caminhos podemos seguir para potencializar nossas forças e reavaliar os pontos de desafio. O que eu sou atualmente me levaria aos resultados que eu almejo? E nessa reflexão, também agradecer e valorizar tudo que já somos para a continuidade da jornada pelo que podemos ser.


2.    Disciplina: com um fortalecimento do autoconhecimento somado a uma boa pitada de disciplina, conseguimos maximizar nossas boas práticas, entendendo no que somos bons, o que precisamos desenvolver e o que podemos compartilhar de aprendizados com os demais. Tudo é uma questão de fortalecer a importância daquilo que queremos buscar, de forma persistente e coesa, para alcançar nossas metas. Quebrar em pequenas tarefas, dar um passo de cada vez e não postergar o que é essencial para seu novo momento almejado.


3.    Autogestão: quem se conhece, quem tem disciplina consegue obter uma autogestão primorosa. Essa prática se baseia em conseguir fortalecer sua produtividade individual, em ações solitárias ou coletivas, proporcionando ritmo de entregas e o essencial: de forma saudável, visto que sabemos nossas limitações. Coordenar a si mesmo com leveza e disciplina, sendo o seu melhor líder.


4.    Desenvolvimento contínuo: o autoconhecimento, a disciplina e a autogestão não são conhecimentos e práticas que se aprendem em um dia e depois nunca mais. Esse é um desenvolvimento contínuo. Além disso, precisamos continuar nossa formação técnica e comportamental. As melhores posições no grande sistema de saúde exigem uma atualização contínua.

 

Com essas práticas e muitas outras que também podemos compreender por meio do autoconhecimento que funcionam conosco, é possível se destacar na saúde, ter uma vida mais leve e resultados de alta performance. Continue o seu desenvolvimento. Quando assumimos o nosso lugar de eternos aprendizes, temos maiores chances de alcançar bons resultados.


O que você fez hoje para transformar a sua vida pessoal e profissional?



7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page